domingo, 21 de abril de 2013

153 Anos de Planaltina- Alunos da EC 02 do Arapoanga leva ao desfile apelos à Sustentabilidade!!

                                                                                               Finalmente no d10domingo próximo passado, 19 de agosto, em parceria com a Administração Regional da cidade, GREB ( Gerência Regional de Ensino de Planaltina DF – Secretaria  de Estado de Educação do Distrito Federal)com a presença da  comunidade, aconteceu o desfile cívico, em comemoração ao aniversário de 153 anos da região, às 10 horas, na Avenida WL2, Setor Administrativo. O evento contou com a participação desta Escola entre outras da rede pública, escolas particulares, com a apresentação de universitários da FUP (UnB) com  o objetivo de mostrar o importante trabalho de ensino realizado em Planaltina.

Vejam a expectativa de desfilar :d2

d6

d9 d3

Muito antes de o sonho desenvolvimentista de Juscelino Kubistchek tomar forma e arrastar tratores e toneladas de concreto ao Planalto Central, a pequena Planaltina (GO), a 38km do Plano Piloto, já tinha muitas histórias para contar. Histórias de vida em compasso de calmaria, de crianças correndo pelo cerrado e tomando banho nas águas cristalinas da região, de tropeiros atravessando riquezas Brasil adentro. Naquele tempo, a paisagem era emoldurada pelo casario colonial, pelas igrejas que surgiam no horizonte e pelo cerrado sem fim. Mas esse cenário, um dia bucólico, transformou-se em cidade, que hoje completa 151 anos. Poucos elementos dessa época ainda estão presentes.

Quando foi absorvida pelo Distrito Federal, Planaltina transformou-se em mais uma das cidades-satélites que compõem o

A igreja, no centro histrico (Cadu Gomes/CB/D.A Press - 9/4/10<br />)

A igreja, no centro histórico

território. A arquitetura típica foi se perdendo em meio às casas modernas, os bairros carentes se multiplicaram, problemas comuns a todos os centros urbanos começaram a surgir. “A cidade não passou por uma fase de crescimento, sofreu um inchaço”, descreveu o artista plástico Adeilton Oliveira, 37 anos. A sobrecarga teve efeito negativo na rotina de quem já vivia por lá. Entre os problemas recorrentes, os moradores citam os males visíveis em qualquer outra cidade que rodeia Brasília: educação precária, violência, hospitais superlotados.

Museu Histrico e Cultural (Adauto Cruz/CB/D.A Press - 18/3/09<br />)

Museu Histórico e Cultural

Parabéns à Administração Regional, à GREP – pela oportunidade de abrir este espaço em que nossos alunos puderam mostrar à cidade que nasceram ou que adotaram, o amor a civilidade, e aos professores que se sentiram honrados com esta demonstração de que foram portadores e mediadores:

d24 d23

d12 d7

d4 d13

d20 d19

d18 d2

Parabéns à toda escola pela brilhante apresentação, Planaltina merece este encontro com os pequenos que crescem com ela!!!

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Este espaço virtual educativo, publicando as atividades da Escola, ficará mais rico com seu comentário, sugestão ou crítica. Deixe sua mensagem e volte sempre. E obrigada pela visita!